Encontro 1 do curso de Arborização Urbana

CADES-PI, 08/05/2014

Na última segunda-feira, 05/05/2014, aconteceu o primeiro encontro do curso de Arborização Urbana promovido pelo GT Arborização e Agricultura Urbana do CADES-PI, na Subprefeitura de Pinheiros.

O Auditório Chico Mendes estava lotado, com a participação de mais de cem interessados em aprender melhor sobre as árvores na cidade. Acesse aqui o material do curso: Arborização Urbana na Wikeversidade

O segundo encontro será na próxima segunda-feira, dia 12/05. Veja os detalhes abaixo.

Abaixo o depoimento de uma das participantes, Jussara J. Nery, consultora que estuda normas de arboricultura urbana pela ABNT.

Foram três palestras excelentes, uma delas da  Thais Mauad, médica professora da USP. A Thais nos demonstrou claramente a necessidade de termos árvores em nosso entorno, principalmente em nossa porta, para o bem de nossa saúde.
Indiscutível o resultado benéfico que uma árvore traz para nosso aparelho respiratório, nosso coração e nossa saúde mental. Além disso reduz a temperatura das cidades, que cada vez está nos incomodando mais.
As árvores são barreiras importantes contra a poluição, absorvendo grande parte das partículas pesadas  e gases que respiramos todos os dias e causam mal a nossa saúde.
A segunda palestrante, Marília Fannuchi, Bióloga, nos falou sobre os cuidados a ter com as árvores. Coisas simples e que nem percebemos no dia a dia: como não amarrar aquela linda orquídea com arame, o que vai impedir o fluxo de seiva bruta, aquela que nutre a árvore; não roçar grama perto da árvore, o que causa danos em sua casca e produz efeito nocivo; podar e cortar galhos desordenadamente de qualquer forma, o que pode causar enfraquecimento, desequilíbrio e, nos pontos de corte, entrada de fungos e bactérias. Deve-se deixar a área em volta da árvore livre de qualquer planta e sempre arejar a terra, molhar e deixar que ela respire!
Uma coisa que me surpreendeu foi o fato de que “quanto mais velha a árvore maior sua capacidade de absorção dos poluentes e mais benefícios ela nos traz”.
O terceiro palestrante, Alexandre Chut, nos falou de sua experiência de 30 anos plantando árvores. Foi ativista, presidente de ONG e fez parte da Secretaria do Meio Ambiente. Ele nos mostrou que quando queremos podemos fazer o bem para a cidade, quebrando barreiras e colocando a mão na massa.
Um dos presentes falou sobre sua atuação  na Mooca, uma pessoa mudando um bairro, agora conta com a ajuda de muitas outras: MUDA MOOCA,https://www.facebook.com/mudamooca?ref=ts&fref=ts.

Venha participar do próximo encontro do curso, aberto a todos:

Encontro 2 –  Parâmetros de arborização e leis ambientais de São Paulo

Segunda-feira, 12/05/14, das 19h30 às 21h30
Subprefeitura de Pinheiros, Av. Prof. Frederico Hermann Jr, 595 – Como chegar
Por favor, traga sua caneca d’água e vamos reduzir o consumo de copos plásticos. 

José Hamilton Aguirre e Luiz Paulo Sachetto

  • Normas básicas
  • Problemas comuns na arborização de SP
  • Critérios de escolha das espécies arbóreas para plantio em áreas urbanas
  • O que é TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) e TCA (Termo de Compensação Ambiental)?
  • Como identificar e denunciar crimes ambientais
  • Potencialidades e adequações urbanas para arborização: execução de plantio e espécies

Acesse aqui o material do curso: Arborização Urbana na Wikeversidade

Até lá!
Anúncios

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s