Por transparência, SAAP terá auditoria externa para revisar suas contas

Como em toda associação, a responsabilidade maior da SAAP é com seus associados. E a instituição deu um passo fundamental para se tornar mais transparente àqueles que já fazem parte dela e àqueles que querem fazer: a partir deste ano, as contas e o balanço patrimonial da entidade serão periodicamente auditados.

A empresa que ficará a cargo da tarefa é a Audisa Auditores Associados, que desde setembro está revisando nossas contas: extratos bancários, notas emitidas, valores recebidos e contas a pagar. “A auditoria traz uma ideia de maior responsabilidade e seriedade em relação ao trabalho que fazemos”, afirma o primeiro-tesoureiro da SAAP, Carlos Alberto Pontes Pinto e Silva.

O processo também busca tornar a instituição mais atraente para doadores. A SAAP conseguiu, em julho, o título de utilidade pública federal, atribuído pelo Ministério da Justiça. A chancela permite captar recursos com dedução no Imposto de Renda de quem doa.

“Com a auditoria, potenciais doadores sentem-se mais seguros para nos doar recursos, pois sabem que temos nossas contas em ordem”, comenta Pontes.

A análise das contas gera um relatório com recomendações de procedimentos e eventuais irregularidades. Já a auditoria do balanço patrimonial, no fim do ano, dá origem ao “parecer dos auditores”, que será apresentado junto com o balanço na Assembleia Geral Ordinária (AGO) da SAAP, em março, para a aprovação dos associados.

Anúncios

Um comentário em “Por transparência, SAAP terá auditoria externa para revisar suas contas

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s