‘Livro sobre Alto dos Pinheiros ajuda a construir cidadania’

Qual a função de um estudo que levanta uma série de dados sobre uma determinada região da cidade de São Paulo? “O mais importante é que o livro trabalha na constituição de uma cidadania, e eu me sinto feliz, enquanto arquiteta, de poder contribuir para a discussão da cidade”, afirmou Ana Cecília de Arruda Campos, urbanista e coautora da publicação “Alto dos Pinheiros: uma leitura do nosso bairro”, editada pela SAAP.

Em sentido horário: xxxx, Ana Cecília Campos e Márcia Kalvon Woods (coautoras do livro) e Maria Helena Bueno, presidente da SAAP
Da esquerda para a direita: Suzana da Cunha Lima (diretora cultural do Clube Alto dos Pinheiros), Ana Cecília Campos (autora), Márcia Kalvon Woods (coautora) e Maria Helena Bueno, presidente da SAAP

Com 42 páginas, dez fotos e seis mapas, o livreto foi lançado na noite de 4 de novembro, no Clube Alto dos Pinheiros, em evento no qual a associação aproveitou para também apresentar seu novo vídeo institucional.

A obra começou a nascer em julho de 2014, quando Ana Cecília e a também arquiteta Alessandra Natali de Queiroz foram chamadas pela SAAP para conduzir um levantamento sobre o distrito.

“A SAAP achou importante conhecer a região em detalhes para poder participar melhor da discussão sobre a nova Lei de Parcelamento, Uso e Ocupação do Solo, que irá definir o novo zoneamento da cidade de São Paulo e que ainda está sendo discutida na Câmara dos Vereadores”, disse Ana Cecília.

O serviço inicial durou três meses e envolveu desde pesquisas em arquivos públicos até, com ajuda de voluntários da associação, o trabalho minucioso de percorrer as oito avenidas e cerca de 200 ruas para mapear a ocupação e os usos dos imóveis em Alto dos Pinheiros.

“No fim, a SAAP achou por bem divulgar também entre os moradores, para que eles estivessem mais preparados para discutir não só o bairro, mas também as relações dele com a cidade”, ressaltou a arquiteta, lembrando que o processo envolveu passar um texto técnico para uma linguagem mais acessível.

IMG_5481A publicação traz desde um perfil dos moradores de Alto dos Pinheiros até o mapeamento de equipamentos urbanos, opções de mobilidade e infraestrutura de educacional.

Para viabilizá-la, a SAAP contou com o patrocínio das incorporadoras Cia. City e Alfa Realty, além de doações de 26 moradores. “A colaboração dos moradores foi fundamental para que esse lindo projeto virasse realidade”, comentou a presidente da associação, Maria Helena Bueno.

O livro será distribuído para associados, representantes de órgãos públicos com os quais a SAAP se relaciona, para os patrocinadores e escolas do bairro. Os interessados em adquirir um exemplar podem entrar em contato com a entidade.

Anúncios

2 comentários em “‘Livro sobre Alto dos Pinheiros ajuda a construir cidadania’

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s